A higiene oral é sempre importante mas, quando se usa um aparelho dentário fixo, há alguns hábitos particularmente relevantes que devemos implementar na rotina diária. Tome nota das 3 dicas que a Dra. Cristina Yglesias, ortodontista na Clínica Hugo Madeira, tem para lhe dar.

1. Fio dentário

Pode parecer uma tarefa difícil quando se usa aparelho dentário fixo, mas é o primeiro passo para uma boa higiene oral e não deve ser descurado — essencial para remover os vestígios alimentares presos entre os dentes.
Comece por passar o fio normalmente, como faria se não tivesse aparelho dentário, até chegar ao arame. Depois, passe o fio entre o arame e os dentes, para conseguir levar o fio até à gengiva.

2. Escovilhão

Esta parte é mais simples. Basta passar o escovilhão entre cada braquete metálico, por detrás do arame, para libertar os vestígios alimentares  que aí possam estar presos.
O escovilhão utilizado deverá ser mais ou menos grosso, dependendo do espaço disponível.

3. Escova de dentes

Apesar de os braquetes metálicos ocuparem parte da superfície dos dentes, a escovagem do esmalte é fundamental durante a utilização de um aparelho dentário fixo.
O truque passa por dividir a parte da frente dos dentes em secções. Primeiro, escova-se a parte superior dos dentes, a linha mais próxima da gengiva, com movimentos circulares, inclinando a escova mais ou menos a 45º; depois, são escovadas as peças do aparelho dentário, que estão no centro dos dentes, os braquetes; por fim, a escova deve ser passada na parte inferior dos dentes que está mais próxima da língua.
Não deve ser esquecida a escovagem da parte superior dos dentes da mastigação (molares e pré-molares) e a parte de trás dos dentes, que devem ser escovados de forma normal.

A Dra. Cristina Yglesias está disponível para avaliar o seu caso e esclarecer todas as dúvidas relacionadas com o aparelho dentário fixo ou convencional. Agende uma consulta de Ortodontia na Clínica Hugo Madeira e não espere mais para alinhar o seu sorriso.